Busca

Escrevo, depois apago

Não fui eu, foi meu eu-lírico

mês

fevereiro 2011

Over and over again

She makes some extraordinary things to be with him. And it might sound really stupid, but that’s something she really can’t control. She just needs to be next to him. It’s not rare those times when she doesn’t even need... Continue lendo →

Anúncios

Laços

- O que a senhora está fazendo aqui a essa hora, tão cedo? - Vou pra casa da patroa, né? - Mas a senhora tá aposentada já, não fica em casa por quê? Já com idade, quase sem força. Olha... Continue lendo →

Protesto da alma

As lágrimas que escorriam chegavam à boca quase no exato momento em que balbuciava fragmentos de memórias de velhos e bons tempos que passara naquelas salas. Risadas, choros, surpresas, conversas, paqueras, análises, apreciações e, não raras vezes, até um cochilinho daqueles propícios... Continue lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑