Busca

Escrevo, depois apago

Não fui eu, foi meu eu-lírico

mês

maio 2018

fall (in love)

Suor na nuca. Tamborilar dos dedos. No peito uma nova invasão. Outra vez não. Ansiedade maluca. O alívio que chega quando aparece de supetão. Ah não, outra vez não. Cabeça enfiada no travesseiro. Joelhos segurando a testa. Rímel escorrendo de... Continue lendo →

Anúncios

sétima arte

Andei, observei, me irritei com as pessoas que riam, sem entender nada daquilo tudo. Prestei atenção mesmo assim. Senti cada palavra. Senti a dor. A angústia. O sofrimento que é só meu e tão comum a todos os seres humanos.... Continue lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑